domingo, 28 de setembro de 2008

Tramas e Temores

Estava perdido em um lugar estranho e escuro, sem ar consegui juntar pedras e voar em direção ao seu medo, sei que um dia ira dizer que só o seu amor é mais bonito: mentira.
Caido sobre uma poça agarrou-se em seus pés e pediu sua mão para lhe ajudar, com asa asas cortadas viu que estava com frio, mas seu corpo estava quente seus braços juntados a sua cabeça e seus pés amarrados pedindo desculpas a si mesmo quase intolerável cuspiu insetos e bebeu a água pura tratava-se de suas lágrimas.