sexta-feira, 24 de junho de 2011

Dia Cinza

Dia de cara fechada, com nuvens carregadas de tristeza.
Ruas totalmente desertas, apenas o vento cortejante.
Dia de se afogar no sofá e olhar um filme dramático.
Dia de um café e bolinhos com gosto de chuva.
Dia do nada.

2 comentários:

Bruno Costa disse...

Gosto muito dos dias de nada. A melancolia que eles nos trazem é por demais produtiva. Não sei de onde vc é, mas aqui no RJ tem uma maratona de filmes num cinema do centro, que ocorre durante toda a madrugada. Com cafés e outras coisas mais. Lembrei-me de que amanhã é dia.

Everton Tolves de Almeida disse...

legal!!
Eu sou do RS, e como aqui neste período é de muito frio, e eu sou fã do frio, então os dias tornam-se mais produtivos.
Valeu.