sábado, 27 de agosto de 2011

O Mundo é um Moinho


"Ouça-me bem, amor
Preste atenção, o mundo é um moinho
Vai triturar teus sonhos, tão mesquinho.
Vai reduzir as ilusões a pó..."

Assim cita em uma das mais belas canções escrita pelo compositor e cantor Cartola, considerado por críticos, o maior sambista da história da música brasileira.
Nesta música, Cartola escrve tudo o que ele sente ao ficar uma noite em claro ao descobrir que sua filha estava se prostituindo.




2 comentários:

Andy A. disse...

Ótima lembrança e Cartola é sim o maior sambista de todos os tempos . seguindo o blog .
http://andyantunes.blogspot.com/

Fernanda disse...

Cartola é, sempre, de tirar o chapéu. Nada como o samba triste para sublinhar ainda mais a tristeza. Massacra. Beijos e sucesso no blog!